O deputado estadual Marquinho Palmerston (PSDB), que representa Caldas Novas na Assembleia Legislativa, afirmou que vai se empenhar para garantir a viabilização dos recursos para a construção da nova unidade prisional do município. ” Vamos cobrar do governador Marconi Perillo para que o novo presídio de Caldas seja construído o mais rápido possível”. A declaração foi feita pelas redes sociais nesta segunda-feira, 26.

O parlamentar ponderou que reconhece o momento econômico do Estado, mas que vai insistir na viabilização rápida da obra. “Não é uma tarefa fácil, porque é uma obra estimada em R$ 24 milhões. A gente sabe da dificuldade financeira do Estado, mas eu, como representante do município, vou correr atrás para dar uma resposta à população de Caldas e toda a região”, garantiu.

Marquinho informou ainda que já se reuniu com a juíza de Caldas, dra. Vaneska Baru Ki, sobre a atual situação preocupante da superlotação dos detentos. “A prefeitura de Caldas já está providenciando o trâmite legal da desapropriação da área para que o Governo possa iniciar a construção do presídio fora da cidade”.

Em relação à questão atual da segurança do presídio, o deputado disse que já esteve com o coronel Edson Costa, secretário interino de Segurança Pública, e o coronel Dragalzew, superintendente executivo do sistema penitenciário de Goiás, para que, enquanto a nova penitenciária não fique pronta, o Estado de Goiás tome medidas urgentes. “Ainda essa semana vou me reunir novamente com o coronel Dragalzew para cobrar as reivindicações feitas anteriormente sobre as melhorias de segurança no atual presídio de Caldas Novas”, disse Marquinho Palmerston.